Estreptomicose (Micetoma actinomicótico)

micetoma streptomices

Streptomyces é um gênero de bactérias Gram-positivas que cresce em vários ambientes, com uma forma filamentosa semelhante a fungos. Na pele causa uma infecção supurativa crônica localizada no tecido subcutâneo conhecida por micetoma.

A diferenciação morfológica de Streptomyces envolve a formação de uma camada de hifas que pode se diferenciar em uma cadeia de esporos. Este processo é único entre os Gram-positivos, exigindo um metabolismo especializado e coordenado. A propriedade mais interessante de Streptomyces é a capacidade de produzir metabólitos secundários bioativos, como antifúngicos, antivirais, antitumorais, anti-hipertensivos e, principalmente, antibióticos e imunossupressores.

O micetoma é uma infecção supurativa crônica localizada no tecido subcutâneo, comumente afetando o pé. Ela pode ser actinomicótica (bactérias) ou eumicótica (fungos) em sua etiologia. O micetoma actinomicótico é mais comumente causado pelo gênero Actinomadura, seguido pelos Nocardia e Streptomyces. Entre o gênero Streptomyces, mais de 3100 espécies foram descritas. Destas, S. somaliensis tem sido o agente etiológico mais comum que causa infecções humanas.

Referências

  • Procópio, Rudi Emerson de Lima, Silva, Ingrid Reis da, Martins, Mayra Kassawara, Azevedo, João Lúcio de, & Araújo, Janete Magali de. (2012). Antibiotics produced by Streptomyces. Brazilian Journal of Infectious Diseases16(5), 466-471.
<< Retornar