HISTÓRIA: Adolescente, 18 anos, masculino, branco, há 8 meses iniciou com pequenas pápulas eritematosas descamativas, algumas vesiculosas, outras hemorrágicas e necróticas com ulceração posterior, deixando uma cicatriz varioliforme no local, localizadas em tronco e raizes de membros. Refere mal-estar geral e linfadenopatia associados ao início do quadro, que durou uma semana, sendo gradualmente substituído por lesões pápulo-escamosas pruriginosas, marrom-avermelhadas, de 0,3 – 1,0 cm de diâmetro, com presença de escama micácea periférica, com cicatrização deixando hipopigmentação residual. Refere que a doença melhorou no verão.